Sindicato dos Rodoviários afirma que não existe até o momento ação que gere a transferência societária da Turb em Petrópolis

Comunicado foi feito após a veiculação de nota na imprensa, referente ao encerramento das atividades da empresa em SP, na manhã desta sexta-feira (19)

Por Redação, Agenda News - Petrópolis

Publicado em 22/02/2021 13h04 - Atualizado em 22/02/2021 13h06

Sindicato dos Rodoviários afirma que não existe até o momento ação que gere a transferência societária da Turb em Petrópolis Ônibus da Turb no ponto da R. Paulo Barbosa, no Centro de Petrópolis - Ilustrativa
  Compartilhar
Continua depois da publicidade:
3 - Feirinha

Após veiculação de nota na imprensa, na manhã de hoje, sexta-feira, 19 de fevereiro, referente ao encerramento das atividades da empresa Turb Transportes Urbanos S/A na cidade de Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo, diversas informações desencontradas vem sendo divulgadas a respeito da iminência de venda da empresa em Petrópolis, bem como sobre a situação dos trabalhadores rodoviários que atuam na empresa em questão.

Continua depois da publicidade:
Agenda News

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Petrópolis se reuniu hoje com a Gerência da Turb Transportes Urbanos S/A e foi informada que até o presente momento não existe nenhuma tratativa ou ação que de imediato que gere a transferência societária da empresa.

 

"Assim que obtivemos conhecimento da veiculação da nota sobre a Turb em Ribeirão Preto, nos reunimos com a gerência da empresa em Petrópolis e abordamos os direitos dos trabalhadores, caso em algum momento haja transferência societária. Na reunião em questão a empresa se comprometeu com o Sindicato que nada mudará nos contratos de trabalho, inclusive, que não haverá demissão dos trabalhadores para nova contratação e que os contratos de trabalho vão continuar normalmente caso haja novos sócios, bem como reafirmaram a garantia dos direitos a FGTS, férias, horas extras e demais direitos adquiridos por meios das Convenções Coletivas da categoria. Ainda de acordo com a gerência da Turb, caso haja demissão de algum funcionário, este trabalhador vai receber todos os direitos que lhe são devidos numa rescisão normal”, pontua Edson de Oliveira, presidente do Sind. Rodoviários.

 

Nesse momento que ainda pairam dúvidas e incertezas o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Petrópolis reafirma que vai acompanhar de perto a questão de uma possível venda da empresa, bem como está de portas abertas para receber todos os rodoviários, sindicalizados ou não, que tenham dúvidas sobre seus direitos e garantias trabalhistas.

 

Em nota, o Setranspetro informou "que não tem elementos para tratar sobre a venda da Turb Ribeirão ou de qualquer outra empresa em outras regiões e cidades do país, e esclarece que a operação da Turb Petrópolis continua ocorrendo normalmente sem qualquer prejuízo na prestação de serviços ou impactos para os seus colaboradores".



Gostou desta publicação?

Continue nos acompanhando nas mídias sociais e confira muitos outros conteúdos exclusivos feitos para você! Estamos no Instagram, no Facebook e no YouTube! Agenda News é mais notícia e informação, sempre com você na sua mão.



Continua depois da publicidade:
3 - Feirinha