Maria Angela Gomes
coluna

Maria Angela Gomes

Educação | Terça-feira

Precisamos falar sobre trabalho infantil

Por Redação, Agenda News

Publicado em 06/04/2021 14h36 - Atualizado em 06/04/2021 14h36

Precisamos falar sobre trabalho infantil Trabalho infantil - Ilustrativa
  Compartilhar

Pode parecer um pouco estranho falar sobre trabalho infantil em 2021, afinal os últimos anos, no Brasil, foi marcado por inúmeras conquistas acerca dos direitos da criança e do adolescente, mas acredite, o tema é atual e em tempos de crise se torna mais do que necessário. A pandemia da covid-19 e seus impactos sobre a economia e o mundo do trabalho acarretam consequências que se inclinam para a mais acentuada contração econômica desde 1930. Historicamente, podemos afirmar que crises provocam a deterioração da qualidade dos empregos, aumento dos subempregos, da pobreza, agravamento da desigualdade e com isso os efeitos nocivos chegam até as crianças e adolescentes em alguma escala.

 

O trabalho infantil é uma grave violação dos direitos humanos, contudo, ele não é inexistente e nunca foi, apesar de atualmente combatido. A educação interrompida para auxiliar os pais no sustento dos lares pode parecer um ideal remoto de nossos pais e avós, mas que está batendo a nossa porta se nenhuma medida for tomada.

Continua depois da publicidade:
Agenda News

A suspensão das aulas e falta de acesso à educação a distância, em muitas localidades, pode catalisar o aumento do trabalho infantil baseado no discurso de que se deve atribuir funções aos pequenos, afim de gastarem energia. O discurso é antigo e atualmente alimentado pela desculpa das escolas fechadas. Cabe, contudo, ressaltar que a educação está para além das paredes da escola; a educação também é responsabilidade de pais e responsáveis. O trabalho antes da faixa etária correta, acarreta em uma defasagem do ensino que não pode ser substituído em outro momento da vida. Crianças e adolescentes possuem seu próprio tempo e esse tempo deve ser canalizado em conhecimento, diversão, imaginação, brincadeiras, compromissos que não possuam a sobrecarga de um trabalho remunerado ou não-remunerado, mas cobrado na mesma medida.

 

É fundamental aumentar a mobilização e dobrar as atenções sobre a importância da prevenção do trabalho infantil, especialmente neste momento. Precisamos estabelecer programas de apoio as empresas, gerar oportunidades de trabalho protegido para adolescentes em idade permitida, fortalecer a fiscalização e trabalhar para um retorno seguro as escolas de forma que a evasão seja a mínima possível. É tempo de investimentos em educação, investimentos que não podem e nunca poderiam ter sido deixados para trás, afinal, é com o conhecimento que se combate a exploração.



Gostou desta publicação?

Continue nos acompanhando nas mídias sociais e confira muitos outros conteúdos exclusivos feitos para você! Estamos no Instagram, no Facebook e no YouTube! Agenda News é mais notícia e informação, sempre com você na sua mão.




Maria Angela Gomes

Maria Angela Gomes

Petropolitana, professora de História, mestranda em História Social e atua na área de educação há 04 anos com reforço escolar e educação multidisciplinar. Redes Sociais: Facebook Instagram